Poesia #Inês

Eu sou o voo da águia

A fonte de água pura

A luz ao fundo do túnel

A atmosfera fresca da serra

Sou a árvore fortemente enraizada,

Sou a raiz, tronco, folha e fruto

Sou as flores que abrem na alvorada.

Sou a onda do oceano

E o oceano que a criou

Sou a música do vento

a melodia do rouxinol

Sou o bater das asas do colibri, beijando a flor.

Sou a ternura de uma mãe, a calma de um recém-nascido

sou o espírito da Mãe Terra.

E o vazio do universo

em criação permanente.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s